• Maria Amélia

As fases da Lua e sua influência em nossa vida


É cientificamente comprovada a influência que a Lua tem sobre as marés e outros acontecimentos no globo terrestre. Logo, se fazemos parte dele e somos constituídos de mais de 70% de água, imagino que nós também o sejamos. A fase em que a lua se encontra, ou seja, a visibilidade que ela adquire em relação ao jogo de sombras entre a Terra e o Sol é igualmente importante e pode influenciar diretamente nossas vidas. Logo, se soubermos aproveitar o melhor que cada fase pode nos oferecer, poderemos ter uma vida mais alinhada aos ciclos naturais e menos sentiremos os efeitos de tudo isso sobre nossa vida, já que, na verdade, sofremos quando estamos indo contra o fluxo natural. Perceba na natureza como as coisas fluem e funcionam perfeitamente, numa linda dança cósmica. Não conseguimos ouvir sua música, mas sabemos que há uma dança acontecendo ali. Vamos analisar, então, a energia de cada fase e como podemos aproveitar melhor sua energia.

LUA NOVA

É o início de um novo ciclo, o recomeço. A Lua se esconde na sombra da Terra e não apresenta luz alguma. Sendo assim, a lua não terá visibilidade, sendo chamada também de "lua negra". É o momento propício para plantarmos as sementes, firmarmos nossas intenções e desejos e, claro, planejarmos da melhor forma como vamos atingi-los, já que apenas com a intenção não chegaremos a lugar algum. Contudo, com certeza essa é uma parte imprescindível do processo. O ideal é fazer uma lista de intenções no dia da lua nova, que cada mês acontece em um signo diferente, trazendo os assuntos daquele signo. Tudo o que for novo está favorecido e tudo o que for iniciado nessa fase também. Pode ser que as coisas ainda não aconteçam na velocidade que se espera, já que o estágio aqui é o de "semente" ainda, lembrem-se sempre disso. Equivale à primavera e à vida que começa a renascer.

LUA CRESCENTE

Agora sim nossos projetos começam a tomar forma. É uma fase que exige mais trabalho duro, a parte em que a semente brota e temos que regá-la periodicamente e cuidar para que nenhum bichinho coma os brotos ou que alguma erva daninha tome seu lugar. É a fase em que Sol e Lua formam um ângulo de 90 graus, o que é chamado de "quadratura" na astrologia, um aspecto desafiador que, por outro lado, traz aprendizado e crescimento. Logo, tudo o que quisermos ver crescer estará favorecido nessa fase, inclusive nossos cabelos. Porém, a colheita está diretamente ligada ao trabalho feito aqui. Se não houver trabalho, não haverá colheita, simples assim. Equivale ao verão, já que nessa fase temos mais energia e força para o trabalho.

LUA CHEIA

Chegamos ao ápice da lunação, que é o período de 28 dias em que a lua passa por todas as fases. Aqui, a lua está totalmente visível e, por isso, sua influência é bem maior. Essa influência, por outro lado, pode nos deixar bastante emocionais, passionais e até mesmo irritados. As emoções estão a flor da pele, logo, qualquer acontecimento tem muito mais impacto sobre nós nessa fase. É ótimo para eventos, já que todos tendem a estarem mais extrovertidos. É a fase da colheita do trabalho feito até aqui. Os primeiros frutos já começam a surgir, principalmente dos projetos mais curtos que foram plantados na lua nova. Projetos mais longos podem demorar um pouco mais, mas provavelmente serão melhor colhidos se forem nessa fase, mesmo que de outra lunação. Equivale ao outono, já que o ciclo chegou ao seu ápice e agora começa a se fechar.

LUA MINGUANTE

Depois da colheita, é preciso arar a terra e prepará-la para o próximo ciclo. Momento de recolhimento e balanço geral do último ciclo. O que foi plantado e o que foi colhido. O saldo foi positivo ou negativo? É aqui que devemos perceber o que funcionou ou não e deixar apenas o que funcionou, o que não funcionou fica de lição. O desapego é muito importante nessa fase, libertar-se do peso do que aconteceu para começar o novo ciclo mais leve. Limpeza, renovação, purificação. O movimento é para dentro aqui, e parece que mesmo insistindo as coisas não tem o mesmo brilho, já que a lua, aqui, está perdendo, literalmente, seu brilho. Melhor aguardar a próxima fase para iniciar projetos, mas já podemos começar a pensar nas intenções, ou sementes, que queremos plantar na lua nova. Por outro lado, é ótima para finalizar e fechar qualquer assunto ou projeto. Equivale ao inverno e o momento de recolhimento, em que a terra se renova para a próxima colheita.

E, assim, conhecendo melhor os ciclos da natureza e, estando nela inseridos, conseguimos nós também nos entendermos um pouco mais, aproveitando o que de melhor cada ciclo pode nos oferecer. O autoconhecimento, aqui, é muito importante, pois observar como cada fase influencia diretamente você, pode ajudar a compreender melhor os ciclos em sua própria vida. Não há uma regra, mas, na maioria das vezes, percebemos que vivemos regulados um pouco por esses ciclos também e tirar o melhor proveito de cada fase da lua pode ajudar bastante na eficiência dos nossos projetos.

Que você possa se conhecer e se alinhar cada vez mais a esses ciclos e entender que fazemos parte dessa grande dança cósmica também. Logo, tudo o que estiver alinhado a esse ritmo nos fará dançar melhor, conforme o ritmo da música. Aqui, trouxe mais em aspectos gerais e para todos, mas, no caso de mulheres, alinhar as fases da lua ao nossos ciclos femininos traz grande conexão e entendimento dos nossos ciclos primordiais. Experimente, e se quiser, me conta como foi esse processo para você.

Nos próximos textos, começarei, finalmente, a tratar a lua em cada signo, para acrescentar mais elementos para o nosso autoconhecimento.


21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O Caminho do Despertar© 2020