Entrada de Júpiter em Peixes e sua energia para nós



OPORTUNIDADES: Conexão profunda com sua intuição e expansão espiritual

DESAFIOS: Estabelecer limites saudáveis e evitar pensamentos ilusórios


No dia 28 de dezembro de 2021 Júpiter entrou em Peixes, onde já esteve de 13/05/21 a 28/07/21. Por isso, vale a pena se recordar do que aconteceu nesse período, pois os acontecimentos podem estar relacionados com esse posicionamento. Ano que vem, ele ficará em Peixes até 10/05/22 e depois, em seu movimento retrógrado, regressa pela última vez nesse signo de 28/10/22 a 20/12/22, quando entra definitivamente em Áries.


Essa é uma passagem anormal de Júpiter por um signo, já que ele costuma ficar cerca de um ano em cada signo, e em Peixes ele terá 3 passagens em ocasiões diferentes, todas juntas somando apenas 9 meses. Por isso, é preciso aproveitar cada momento desse trânsito, já que Júpiter é o grande benéfico do zodíaco e promete bençãos por onde passa.


Ele não voltará nesse signo pelos próximos 12 anos, então é algo que devemos realmente observar como age em nossa vida. Isso vai depender da casa em que cada um tem Peixes no mapa. Vou deixar um vídeo aqui onde falo de cada casa do mapa, para que possa entender que assuntos Júpiter vai expandir ou exagerar na sua vida. O mais importante é confiar que as bençãos estão garantidas.


Peixes representa completude, por ser o último signo do zodíaco. É um signo profundamente espiritual que explora os processos de transmutação da matéria e se desapega de tudo o que precisa soltar antes de iniciar novamente um novo ciclo em Áries.


Trata-se de se entregar à vontade divina, algo tão difícil para o ego controlador, e permitir-se ser guiado além da lógica da mente, para os reinos do inconsciente. É preciso aprender a confiar no que não podemos ver, em tudo o que está além dos nossos olhos terrenos, e desenvolver a fé na própria intuição e naquilo que sentimos.


Júpiter, por sua vez, representa expansão, crescimento, sabedoria superior e tudo o que aprendemos e superamos. É onde percebemos que nada sabemos e que há sempre mais a aprender. Com Júpiter em Peixes, unindo essas duas simbologias, expandimos nossa compreensão espiritual e aprendemos a confiar na sabedoria divina que existe em nós. Será um período de aumento da intuição e maior consciência sobre temas da nossa vida onde esperamos pelo melhor, já que Júpiter fala de fé e confiança incondicionais.


A casa por onde Júpiter passa no nosso mapa nos dá uma ideia da área da vida onde ganharemos uma nova energia e experienciaremos o que for melhor para nós. Ele expande a nossa frequência e aumenta nossa percepção sutil, permitindo acessar uma nova perspectiva de velhos temas da nossa vida. Ganharemos consciência sobre nossos processos e teremos insights preciosos que nos permitirão ver além do óbvio.


Apoio, compaixão, aceitação e amor incondicional são as vibrações mais altas de Peixes que podemos alcançar durante esse período. Por outro lado, também podemos nos sentir sem vontade, desencorajados, sobrecarregados ou até mesmo deprimidos, principalmente os mais sensíveis. Será importante reservar um tempo para solitude, só assim nos conectaremos profundamente com a nossa intuição e receberemos as respostas que residem no nosso coração.


De maneira geral, todos estaremos mais sensíveis à energia dos outros, ou seja, mais empatas de maneira geral, por isso precisamos cuidar com mais atenção da frequência que estamos emanando, pois é ela que nos atrai a um nível de vibração correspondente. Essa é a nossa maior proteção espiritual (inclusive falo mais sobre isso nesse vídeo aqui).


É o momento perfeito para explorar nossa criatividade e buscar maior conexão espiritual. Observe constantemente seu nível de energia e a qualidade da sua frequência, para que sua "antena" se alinhe às melhores vibrações e, assim, possa receber as bençãos que o Universo tem para te entregar.


Se abra para os aprendizados que também vão surgir, afinal, é para isso que estamos aqui: viver experiências que vão nos aproximar cada vez mais da nossa essência. No entanto, às vezes teremos que tirar algumas camadas do ego condicionado da frente. A dor que sentimos é a da resitência em fazer isso.


Por fim, esteja bastante atento aos seus limites energéticos (até onde as pessoas podem te acessar e te afetar), e aprenda a falar não quando necessário, isso vai ajudar a preservar sua energia e não te deixar tão sobrecarregado. Cuidado com a síndrome da vítima/salvador, onde ora nos sentimos vítima do mundo, ora achamos que temos que salvar todo mundo. Se perceber que está em uma dessas polaridades, saia imediatamente disso sem sentir culpa. Preserve a sua saúde emocional e cuide da sua saúde mental.


No final do ano que vem, quando Júpiter voltar a Peixes nos últimos dois meses, ele vai estar no grau 29, um grau considerado crítico para a Astrologia. Essa será nossa oportunidade de integrar todos os aprendizados desse trânsito e nos despedirmos dele com uma energia renovada e prontos para o próximo ciclo.


Espero que essas informações ajudem você a se preparar melhor para o período e tirar proveito das energias mais elevadas desse signo sensível, tão sensível que às vezes pode passar do ponto e se perder de si mesmo.


Um lindo trânsito de Júpiter em Peixes para todos nós!


Se quiser, comente aqui embaixo em que casa Júpiter vai estar passando no seu mapa:

189 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo